terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

"Aquele mundo"


Quero voar sem asas
Fugir sem minhas pernas
Quero viver aquele mundo
Que está a minha espera.

Um mundo de alegrias
Onde ninguém sabe chorar
Um mundo imaginário
Onde só se quer amar

Um mundo de felicidade
Onde todos são alguém
Um mundo onde a tristeza
É o espírito do além

Cada dia é um só
Todos podemos voar
Basta fechar os olhos
Basta acreditar

Voa sem asas!!!
Tu consegues,
Acredita e vence
Porque tu mereces.

Autora: Marta Bairreira (sininho)


Este é o meu mundo, o meu mundo imaginario onde consigo ser feliz.


2 comentários:

Kim disse...

Às vezes - o amor está mesmo ao nosso lado e somos cegos. Outras, é preciso cavalgar verdes prados, florestas cerradas, praias desertas.
As asas do Sininho são ainda muito curtas para voar tão longe, mas ... sonhar é preciso!
Beijinhos Martuxa!

Miguel disse...

Epa... tens muito jeito pa isto xD

Fico feliz em saber que tens uma grande visao do horizonte que é o teu sonho e que queres transporta lo para a tua vida =D